Este espaço tem por objetivo divulgar a produção haicaísta em língua portuguesa. Se você é autor, saiba como expor seu trabalho gratuitamente

Haicais de Olga Amorim


O sopro de agosto
Olga Amorim
Cronista e poetisa paulista reúne haicais em livro.

Coletânea de haicais (135 haicais). Capa de Aya Nakai. Textos de orelha por Benedicto Luz e Silva, Silvério da Costa, Hugo Pontes e Soares Feitosa. Edição da Autora. São Paulo, 2011. 52 páginas, 14cm x 21cm.

Da orelha: “A verdade é que ela se apega ao lirismo para falar do cotidiano, dos valores humanos e da relação entre o eu e os outros, numa linguagem sem maquilagens e sem maniqueísmos, muito bem articulada, o que confere um peso muito importante à poesia. Olga Amorim é uma poeta de nomeada, que se desvela para nos encantar”.

Amostras:

É Dia dos Pais
O campo santo longínquo
Lembranças tão próximas.

Domingo das mães
Sorriso do meu bisneto
Sem saber quem sou.

Na esquina o farol
E os galhos negros do ipê
Abrindo-se em flores.

O dia é de sol
Rapazes fartos de inverno
Picolés nas mãos.