Este espaço tem por objetivo divulgar a produção haicaísta em língua portuguesa. Se você é autor, saiba como expor seu trabalho gratuitamente

Antologia bilíngue apresenta o haicai em japonês no Brasil


Haiku & haikai: Descobrindo a natureza
Akiko Kurihara

Antologia bilíngue. 230 haicais em japonês (diversos autores) originais e traduzidos para o português, 68 haicais em português (diversos autores) originais e traduzidos para o japonês e textos sobre haicai. Tradução da autora. Prefácio da autora. Inclui fotos, biografias e bibliografias. São Paulo, edição da autora, 2014, 156 páginas, 18,5cm x 27,5cm. Contato: akikuriw@hotmail.com.

Do prefácio: “O objetivo maior para escrever este livro foi o de homenagear os meus pais e os seus amigos, Ryunan Mori, Goga Masuda, mestre e amigo de longa data, Nenpuku Sato e tantos outros colegas de haiku, que se dedicaram a essa arte, viajando por diversas regiões do Brasil todo como forma de conhecer melhor o país por eles adotado e de compor o haiku, enaltecendo as belezas regionais. Outro objetivo foi o de apresentar os haicais escritos pelos descendentes dos japoneses e não-descendentes que cultivam essa arte como parte da cultura japonesa, em convívio com a natureza compondo haicai — terceto com inserção de kigo (termos sazonais)”.

Amostras:

A lua nasce
entre as flores de café
iluminadas pelo luar.
(Nenpuku Sato)

Gorjeios na chuva, do
sabiá engaiolado e do
sabiá silvestre.
(Gijindo Kurihara)

A arma do homem é
bomba atômica,
do caranguejo as tesouras.
(Kazuma Tomishige)

Mar de primavera —
Aprende a lida no barco
Pescador menino.
(Roberto Graça Lopes)