Concurso Brasileiro de Haicai Infanto-juvenil

4o Concurso Brasileiro de
Haicai Infanto-juvenil (2005)


O Grêmio Haicai Ipê, o mais tradicional grupo de estudos e prática de haicai no Brasil, promoveu em 2005 o 4o Concurso Brasileiro de Haicai Infanto-juvenil com o intuito de incentivar e difundir o haicai, a menor forma poética do mundo, largamente difundida em todos os países e veículo ideal para introduzir a poesia entre as crianças.

"Nossas Frutas" foi o tema escolhido para o concurso desse ano. Participaram alunos do ensino fundamental com idade inferior a 15 anos, sob orientação de seus professores. O regulamento do concurso foi divulgado a partir de maio de 2005, sendo as inscrições aceitas até 2 de setembro. O julgamento ocorreu em 10 de setembro. A Comissão Julgadora foi composta por Carol Ribeiro, Edson Kenji Iura, Hazel de São Francisco e Teruko Oda, haicaístas do Grêmio Haicai Ipê.

Em resumo, foram recebidos 3769 trabalhos (um por criança) de 136 escolas (202 professores), englobando 57 municípios de cinco estados. O número de trabalhos representa um crescimento de 22% em relação ao concurso de 2004. Foram selecionados 10 trabalhos, classificados do primeiro ao décimo lugar. Adicionalmente, foram escolhidos 15 trabalhos para receber menção honrosa. Cinco trabalhos de crianças da APAE (Associação de Pais e Amigos de Excepcionais) de Bandeirantes, PR, receberam menção especial.

Quadro de Participação

Estados

Municipios

Escolas

Professores

Alunos

MG

01

01

01

27

PR

45

117

178

3279

RJ

01

01

01

12

SC

01

01

01

16

SP

09

16

21

435

Total

57

136

202

3769

O Grêmio Haicai Ipê agradece imensamente a todos os estudantes e professores pela participação e pelo esforço. Em breve, serão divulgadas informações sobre a entrega dos prêmios.

Email: concurso@kakinet.com



Os dez haicais classificados


1o lugar

Mangas amarelas
Na árvore solitária
De um casarão.

Lucas Miguel Pachude - 14 anos
Profa. Eliana Aparecida Pacheco de Souza
CE Antonio Xavier da Silveira
Irati, PR


2o lugar

A goiaba madura
E os bichinhos se mexem
Não sei o que fazer.

Bruna Quirino da Silva - 11 anos
Profa. Marili Prado Rigão
EM Prof. Ângelo Mazzarotto
Cornelio Procópio, PR


3o lugar

Um cacho de uva
Enchendo a minha mão
Domingo no sítio.

Keila Yumi Hiraoka Omasa - 13 anos
Profa. Lúcia Helena Carneiro Nascimento
Colégio Santo Agostinho
São Paulo, SP


4o lugar

O vento sopra
Caem as folhas vermelhinhas
Do meu caquizeiro.

Rosiclea Aparecida Gonçalves Santos - 10 anos
Profa. Roseneide Inês dos Santos Oliveira
EM NS de Monte Claro
Mallet, PR


5o lugar

Sabiá chegou,
Experimentou primeiro.
-- Mamão docinho!

Milena de Oliveira da Rosa - 10 anos
Profa. Maria Aparecida Siqueira
EM Profa. Maria Lenira de Carvalho Oliveira
Jaboti, PR


6o lugar

O dia amanhece
e o pêssego está maduro.
Até que enfim!

Danielle Fernanda Pinto - 13 anos
Profa. Neide Rocha Portugal
EE Cecília Meireles
Bandeirantes, PR


7o lugar

No sinal de trânsito
Malabarismo com limão.
Meninos de rua.

Lucas Henrique Rodrigues - 11 anos
Profa. Lúcia Helena Martins Gonçalves
EM Benedito Ferreira Lopes
Mogi das Cruzes, SP


8o lugar

Uva madura!
Até as abelhinhas
querendo provar.

Rosiele Gonçalves Pacheco - 12 anos
Prof. Jair Sidnei Cândido
EM Profa. Maria Lenira de Carvalho Oliveira
Jaboti, PR


9o lugar

Laranjas nos galhos
balançando sem parar
ao sopro do vento.

Luiz Felipe dos Santos - 13 anos
Profa. Elenice de Campos
EE Áurea Aparecida Lopes
Inácio Martins, PR


10o lugar

Passarinhos brigam
pelas ameixas que sobram
na árvore de casa.

Pedro Souza Franco - 7 anos
Profa. Mitsuca Miyashita
Ateneu São Vicente
São Vicente, SP



As quinze menções honrosas

(por ordem alfabética)


Velhinhas confundem
cucas verdinhas com cocos.
Calçadão da praia.

Camila Fujiy Pessoto - 11 anos
Profa. Mitsuca Miyashita
Ateneu São Vicente
São Vicente, SP


Maçãs perfeitas
Menino cuida com carinho
Presente para professora.

Carine Peres de Andrade - 13 anos
Profa. Matilde Domingues
CE Faxinal dos Francos
Rebouças, PR


Maçã no pomar
Bichinho constrói sua casa
Tem até janelinhas!

Chrystian Pianaro - 13 anos
Profa. Matilde Domingues
CE Faxinal dos Francos
Rebouças, PR


Domingo de sol
E crianças a brincar
Guerra de araçá.

Débora Karina Correia - 14 anos
Profa. Eliana Aparecida Pacheco de Souza
CE Antonio Xavier da Silveira
Irati, PR


Um pé de goiaba
Na beira da estrada
Todas bicadas.

Gerson Antônio Bossa Aleixo - 12 anos
Profa. Cleyde Fabbri
EE de Eliza
Xambrê, PR


Grandes lixias
nos galhos encurvados
sobre a vidraça.

Jéssica Natany Nass de Arruda - 10 anos
EM Profa. Maria Lenira de Carvalho Oliveira
Jaboti, PR


Nos moranguinhos
que cobrem os canteiros--
Gotas de orvalho.

Joelson Aparecido Pedroso - 14 anos
Profa. Maria Aparecida de Oliveira dos Santos
EM Profa. Maria Lenira de Carvalho Oliveira
Jaboti, PR


Sopra o vento
Os pêssegos maduros
Caindo no chão.

Laís Amanda Schultz - 12 anos
Profa. Mariza Tribeck
EE de Bituva das Campinas
Fernandes Pinheiro, PR


Café da manhã
Na mesa bem arrumada
A torta de maçã.

Lennon Felipe de Moraes - 14 anos
Profa. Elenice de Campos
CE Parigot de Souza
Inácio Martins, PR


Canteiro de morangos
Formigas carregadeiras
Pra lá e pra cá.

Marilze Marchet - 11 anos
Profa. Vilma Salete dos Santos
CE Parigot de Souza
Inácio Martins, PR


A tangerina
Tem cheirinho gostoso
que fica na mão!

Mateus Toledo Vilas Boas - 9 anos
Profa. Maria Aparecida Siqueira
EM Profa. Maria Lenira de Carvalho Oliveira
Jaboti, PR


Mamão maduro
brilhando no quintal.
Passarinho rodeando.

Mônica Greice Timóteo Rosa - 10 anos
Profa. Clara Caetano de Faria
EM Prof. Aníbal Campi
Cornélio Procópio, PR


Laranjas que caem!
Bom goleiro sei que sou,
agarro todas.

Peterson Siqueira Stadler - 9 anos
Profa. Maria Aparecida Siqueira
EM Profa. Maria Lenira de Carvalho Oliveira
Jaboti, PR


Jaca madura
Na feira de domingo
Cheiro enjoado.

Robson de Almeida Rodrigues - 8 anos
Profa. Clara Caetano de Faria
EM Prof. Aníbal Campi
Cornélio Procópio, PR


Num velho pomar
Maracujá amarelo
Caído no chão.

Vânia Cristina de Souza - 12 anos
Profa. Eliane Krzesinski
EM Noêmia de Oliveira Bruno
Cornélio Procópio, PR



As cinco menções especiais

Crianças da APAE de Bandeirantes, PR
Profa. Neide Rocha Portugal
(por ordem alfabética)


Gosto de mamão
E a minha vó me ajuda
Tirar as sementes.

Andréia Cristina Peixoto - 11 anos


Fruteira de maçã
Eu queria comer uma
Minha mãe não deixou.

Cleber Alves dos Santos - 13 anos


Laranja madura
Doce como o mel
Da árvore caiu.

Edmundo Bandeira da Silva - 10 anos


O cacho de uva
Tão juntinhas que parecem
Bolinhas de gude.

Nivaldo da Silva Pedroso Junior - 10 anos


É muito gostoso
Copo de suco de laranja
Com pastel.

Sâmila Emanuelle Euzébio - 10 anos

Veja também: O que é haicai
3o Concurso Brasileiro de Haicai Infanto-juvenil (2004)
2o Concurso Brasileiro de Haicai Infanto-juvenil (2003)
1o Concurso Brasileiro de Haicai Infanto-juvenil (2002)

20 de setembro de 2005